Tire todas as suas dúvidas sobre a revista Chico Bento Moço.


Quando a revista estará nas bancas?
A partir do dia 27 de agosto começa a chegar nas bancas de todo o país.

Quanto custa?
R$ 7,50.

A edição 0 virá junto com a Turma da Mônica Jovem 61?
Não. A revista teaser nº 0, reproduz a história com a primeira aparição do personagem jovem, publicada no livro Chico Bento - 50 anos (2012). Tendo 16 páginas, esta edição será distribuída para quem adquirir a edição nº 1 na Bienal do Livro (RJ), para quem tem a assinatura da revista Turma da Mônica Jovem, e para quem fizer a assinatura do Chico Moço até setembro. Também terá uma versão digital disponibilizada através do aplicativo do jogo em realidade aumentada “O sumiço de Rosinha”.
Saiba mais.

Será em mangá?
A revista terá alguns traços um pouco diferentes da Turma da Mônica Jovem, mas será em mangá sim. Com capas coloridas e 100 páginas em preto e branco. Tem o mesmo formato da Turma da Turma da Mônica Jovem, 16,0 x 12,3 cm. E como pode ser visto na capa, a revista é feita também pela Planet Manga.

Será lançada mensalmente?
Sim. Será uma revista seriada, lançada todo mês. Também terá assinaturas pela Panini.

Existe um site ou página oficial no Facebook?
Ainda não. Mas a MSP nos informou de que toda essa parte de divulgação cabe à Panini, e eles decidirão de qual forma será divulgada a revista.

O Chico continuará morando na Vila da Abobrinha?
Não. Descobrimos que o Chico se despedirá de sua família e amigos da Vila da Abobrinha em uma das cenas da revista nº 1, e irá estudar na cidade grande.

3 comentários:

  1. Douglas Soares13/08/13 14:23

    100 páginas? Não são 120? Tá caro demais para só 100 páginas

    ResponderExcluir
  2. Ou, se eu fizer a assinatura do Chico Bento Moço dia 2 de setembro, eu ainda recebo a edição 0?

    ResponderExcluir
  3. Quando vai ser revelada a capa da revista chico moço 2

    ResponderExcluir

- Críticas em anônimo serão excluídas. Se for criticar construtivamente, use um perfil.
- Não use palavras de baixo escalão.
- Tenha bom senso, palavras podem causar danos irreparáveis.